Políticos gastam quase R$1 milhão com materiais impressos - Folha de Alphaville
14/09/2018
POLÍTICA
Políticos gastam quase R$1 milhão com materiais impressos
A deputada federal Bruna Furlan investiu R$ 768 mil
Gláucia Arboleya
Bruna Furlan. Deputada federal investiu R$ 768 mil (Divulgação Facebook)

Políticos da região oeste investiram quase R$ 1 milhão em materiais impressos para a campanha eleitoral deste ano. Os dados foram levantados pela reportagem junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na quarta-feira (12).

Deste montante, a maior despesa contratada para este tipo de investimento (R$ 768 mil) foi da deputada federal Bruna Furlan (PSDB), que busca manter sua vaga na Câmara. A quantia representa 79,5% do total gastos até aqui (R$966 mil). O petista Valmir Prascidelli, que também ocupa uma vaga como deputado federal e quer se reeleger, aparece em segundo lugar, tendo pago de seu caixa R$ 109 mil neste tipo de despesa. Os candidatos ao cargo federal, Ivo Lopes (PROS), Carlos Japonês (PPS) e Prof. Elias Matias (PRP) não declararam.

Na análise de quem disputa uma cadeira na Assembleia Legislativa, Marcio Camargo (PSDB), que luta pela reeleição, foi o que mais contratou serviços de materiais impressos, R$ 42 mil. Em seguida, Marmo Cezar (PSDB), com R$ 29 mil, João Caramez (PSB), R$11 mil, Gil Lancaster (PSB), R$5.800, Roberto Mendonça (Solidariedade), R$1.440 (adesivos) e Marco Vinholi (PSDB), R$420.