Hinode Barueri endurece partida, mas sofre revés contra Osasco - Folha de Alphaville
11/03/2018
ESPORTES
Hinode Barueri endurece partida, mas sofre revés contra Osasco
Time de Zé Roberto Guimarães fez jogo equilibrado, mas não resistiu a pressão das donas da casa
Paulo Talarico
Time não conseguiu segurar a pressão do Vôlei Nestlé, em Osasco (Foto: Gaspar Nóbrega/Inovafoto)

Em um jogaço no Ginásio José Liberatti, o Vôlei Nestlé Osasco saiu na frente pelos playoffs da Superliga Feminina ao vencer o Hinode Barueri por 3 sets a 1, parciais de 25 x 23 / 28 x 30 / 28 x 26 / 25 x 17. Agora, a equipe de Zé Roberto Guimarães terá de vencer a próxima partida, no sábado (17), no José Corrêa para obrigar a realização da terceira partida.

O revés veio em uma partida em que as baruerienses ofereceram forte resistência. O time chegou a abrir uma larga vantagem na primeira parcial, mas sofreu a virada. No segundo, o time virou o jogo já após os 25 pontos e fechou em 28 a 30. O desempenho das equipes, com uma série de ralys seguiu no terceiro set, com vitória osasquense. A partir daí, o time de Luizomar de Moura conseguiu encaminhar a vitória. 

"Foi uma partida equilibrada, decidida nos detalhes. Estudamos muito o time delas e pecamos em alguns em algumas jogadas decisivas. Só não podemos deixar mais acontecer o que rolou no quarto set, quando elas conseguiram abrir uma diferença maior”, afirma Erika Coimbra, capitã do Hinode e maior pontuadora do time no jogo, ao lado de Skowronska, com 16 acertos.

Do lado osasquense, Tandara foi eleita a melhor em quadra, com 30 acertos.  "Foi uma partida muito dura, mas todas as nossas atletas corresponderam. Kika entrou bem, a Tássia também jogou muito. Carol e Fabíola são duas levantadoras de altíssimo nível. Enfim, todas estão de parabéns. Agora vamos lutar para conquistar a vaga na semifinal em Barueri, onde esperamos mais um confronto muito difícil", comentou. 

Desfalcado de Jaqueline, fora por inflamação no ombro direito, o Hinode entrou em quadra com Erika, Suelle, Fran, Lloyd, Thaísa, Skowronska e a líbero Natinha, enquanto o Osasco teve em quadra Fabíola, Tandara, Bia, Ninkovic, Angela Leyva, Mari Paraíba e a líbero Tássia. 

Com o resultado Osasco abriu 1 a 0 na série melhor de três jogos das quartas de final da Superliga Feminina 2017/18. O próximo jogo será no sábado (17), no ginásio José Correa, em Barueri.