08/02/2018
COLUNISTAS
Carnaval na liga
Colunista da Folha de Alphaville

Para quem não consegue se desligar do futebol, nem mesmo no Carnaval, a grande atração dos próximos dias é o início das oitavas de final da Liga dos Campeões. Os clubes mais ricos do mundo farão desfilar as suas estrelas em busca do título tão cobiçado. E o torcedor espalhado por todo o planeta é quem vai se deliciar.

O principal destaque é o confronto que começa na Quarta-Feira de Cinzas, em Madri, quando o maior vencedor da competição vai receber o Paris Saint Germain. Desse duelo sairá o favorito a colocar a faixa no peito. E não só isso: muitas definições podem ser encaminhadas, inclusive, no sentido da troca de clubes de alguns jogadores que estarão em campo. Notadamente Neymar.

Se o PSG vencer vai conquistar uma das suas maiores vitórias de todos os tempos e, consequentemente, consolidar a importância de Neymar para alavancar seu crescimento. Mas se o Real passar fará com que o time mais caro do mundo conheça o primeiro grande fracasso. E a permanência de Neymar na França ficará mais difícil, sendo o Real Madri, curiosamente, seu destino mais provável. Impossível falar em tendência. O time espanhol não vive lá seu melhor momento. Mas costuma se agigantar em situações como essa.

No mesmo dia começa a disputa entre Porto e Liverpool. Mas na terça já tem jogo. Basel contra Manchester City de Guardiola e Juventus x Tottenham farão a bola rolar. Na semana seguinte virão as primeiras partidas dos outros quatro embates, entre Bayern x Besiktas, Chelsea x Barcelona, Shakhtar x Roma e Sevilla x Manchester United, de José Mourinho. Só jogão.

Além da competição propriamente dita essa reta final da Liga dos Campeões mostrará uma prévia da Copa do Mundo, afinal, estarão em campo quase todos os grandes jogadores que irão à Rússia. Que a bola role logo, então.




Jornalista e administrador esportivo. Trabalhou nos principais veículos de comunicação do país, foi gerente de futebol do Grêmio Barueri e secretário de esporte da cidade. Atualmente é âncora e comentarista da Rádio Transamérica.