Seletiva do Bolshoi põe Barueri no circuito internacional da dança - Folha de Alphaville
02/03/2018
CADERNO A
Seletiva do Bolshoi põe Barueri no circuito internacional da dança
Inscrições da pré-seleção devem ser feitas pelo site; podem participar bailarinos de Barueri e região
Graziela Costa
A Escola Bolshoi no Brasil foi fundada em 2000 (Foto: Cleber Gomes)

A seletiva para ingressar na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, que ocorre no dia 8 de abril, no Teatro Municipal de Barueri, coloca o município no circuito internacional de dança. A opinião é do secretário de Cultura e Turismo do município, Jean Gaspar, que acredita que a seletiva para a famosa escola de balé, que fica em Joinville (SC), dará visibilidade para a cidade como palco de grandes eventos culturais.

“É como trazer uma seleção para jogar na cidade”, compara o secretário. As vagas são para meninos e meninas nascidos nos anos de 2000 a 2009 e que preencham as condições estabelecidas no edital da escola. As inscrições, que têm a taxa de R$ 22, podem ser feitas até o dia 4 de abril, no site (www. escolabolshoi.com.br). Essa é a primeira pré-seleção da Escola Bolshoi no município.

“Entramos em contato com a organização e apresentamos nossa estrutura, medidas de palco, eles ficaram encantados”, explica Jean. Para ele, outro ponto a ser destacado é que a pré-seleção não é direcionada a baruerienses. “A oportunidade é fantástica para os bailarinos da região”, diz. 

Os pré-selecionados participarão do exame nacional que acontecerá em Joinville, nos dias 19, 20 e 21 de outubro deste ano. Jean ressalta que a cidade já havia realizado eventos de destaque em 2017.

“Eles apontavam o cenário efervescente da dança no município”, como o Festival de Barueri de Dança, em outubro. Realizado no Teatro Municipal de Barueri, o evento recebeu 400 bailarinos de 34 escolas, somando 151 coreografias, incluindo Balé Clássico.

Nomes de destaques na área, como Yoshi Suzuki, Fernanda Fiuza, Beka e Silvia Gaspar, fizeram parte da equipe de jurados. Apostando nos talentos locais, o secretário disse que a cidade criou equipamentos para facilitar o desenvolvimento “da prata da casa”. No ano passado, foi aberta a Oficina de Artes com cursos livres e gratuitos, além do Núcleo de Dança de Barueri, com caráter de formação artística e de aprimoramento.

“Possuímos 600 crianças em nossas oficinas de balé e outros 160 jovens no Núcleo de Dança. Eles estão crescendo com a oportunidade de vivenciar a arte não apenas como uma manifestação artística, mas como como algo que pode transformar sua vida. Queremos promover a educação pela arte. Estamos no caminho”, finalizou.

Escola de bailarinos Fundada em 2000, em Joinville (SC), a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, a primeira e a única extensão do Teatro Bolshoi da Rússia, foi criada com o objetivo de atuar na formação de artistas da dança, lecionando a técnica de balé por meio da metodologia Vaga nova, dança contemporânea e disciplinas complementares.

O grupo de professores da escola, na parte de dança e preparação física, é formado por três russos, um ucraniano e dez brasileiros. Além de ensino gratuito, os alunos da Escola Bolshoi recebem benefícios como alimentação, transporte, uniformes, figurinos, assistência social, orientação pedagógica, assistência odontológica preventiva, atendimento fisioterápico, nutricional e assistência médica de emergência/urgência pré-hospitalar. Para isso, devem apresentar bom rendimento, pois a ausência de excelência nas notas implica a perda da bolsa de estudo. A seleção para alunos ocorre anualmente.